Seite wählen
Sempre bem-vinda, mas…
MSD Portugal
8. März 2020

Encontrei na Suíça, já há algum tempo, a certidão de nascimento de uma parente idosa. Aquele documento de 1939 certifica: «A Autarquia atesta que a citada pessoa é cidadã desta localidade e declara que a  mesma será sempre reconhecida como tal. Mais se declara que esta cidadã será sempre e em qualquer circunstância recebida de novo na localidade».

Recebido em qualquer circunstância é aquilo que Deus promete a quem se entrega a Ele. Se um dia reconhecermos a nossa necessidade de sermos salvos e escolhermos crer em Jesus Cristo, então recebemos o perdão de Deus, a vida eterna, a cidadania do céu. Passamos a fazer parte da família de Deus.

E se nos acontecer fazer más escolhas e afastarmo-nos dele por algum tempo, ou revoltarmo-nos, Deus não nos retirará o perdão concedido e a salvação recebida; ficaremos cidadãos do céu.

Só que poderemos ser um bom ou um mau cidadão. E se aqui em baixo nos comportarmos como maus cidadãos aos olhos de Deus, a última etapa da nossa vida arrisca-se a ser cheia de tristeza, o que seria muito lamentável.

Reconhecermos a necessidade de sermos salvos e escolhermos acreditar em Jesus Cristo é a melhor decisão que podemos tomar, mas viver como um cidadão leal a Deus é uma escolha que tem de ser renovada diariamente, uma maneira de agradecer a Deus pelo seu amor. 

Ler na Bíblia: Tiago 1:23 a 25

Habitar é transformar

Habitar é transformar

Entrei em casa de um amigo que falecera dois anos antes. No interior apenas restavam alguns móveis; eu conhecia bem...

Napoleão

Napoleão

Acerca desta personagem histórica pode dizer-se o melhor e o pior. Deixo aos historiadores e aos filósofos cruzarem...

Duas horas no céu

Duas horas no céu

No dia 24 de outubro de 2017, em Joanesburgo, na África do Sul, o britânico Tim Morgan elevou-se ao céu e fez um...

Impressões digitais

Impressões digitais

Sables d’Olonne, em França, é a cidade de partida e chegada do «Globo Vendée», a volta ao mundo em veleiro, com...

Tempestade no céu

Tempestade no céu

Há nos Estados Unidos um departamento que estuda os furacões. O facto de se compreender como eles se formam e evoluem...

A morte do luto

A morte do luto

«A morte do luto»: gosto especialmente deste título de um livrinho sobre a ressurreição de Jesus Cristo. Pelo facto de...

Lafayette

Lafayette

Já ouviu falar do general Lafayette? Era um homem excecional sob vários aspetos, tanto como oficial, como homem...

Renasci!

Renasci!

O transplante, única esperança para muitos doentes, não é, infelizmente, possível para todos. Um dia, uma senhora...